junho 13, 2008

E eu com isso?

Em outubro teremos eleições municipais. Em São Paulo, particularmente, a disputa reúne personalidades de peso no cenário político nacional. Há uma pressão enorme da oposição sobre a ministra Dilma. Há um novo ministro do meio-ambiente no gabinete. A educação brasileira dá sinais de melhora, mas anda capenga. Acontece um grande evento de moda no Rio. Lula deve viajar mais uma vez. O Corinthians perdeu a Copa do Brasil, que seria uma espécie de redenção para o time.

Tudo isso e muito mais acontece no país. Assunto é que não falta para os periódicos nacionais e suas muitas colunas. Digo isso porque quase caí para trás ao ler em uma das colunas mais prestigiadas e séries do país uma nota sobre a separação do ator José de Abreu.

Vem cá ... que interesse eu tenho na separação do José de Abreu? O que muda no país com a separação do José de Abreu? O que faz de José de Abreu esse ser tão interessante? O que tinha esse casamento de tão espetacular??

Que essa nota saia nas colunas de fofoca, de novela e de televisão ... eu entendo. Ou melhor, é compreensível. Mas na principal coluna do principal jornal do mais importante estado brasileiro?

É demais.

Um comentário:

Paty Maionese disse...

E eu acabo de saber por você com todo o atraso que o José de Abreu se separou. :D